quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Meus desejos de mulher


"São tão simples e tão complexos!...
Se quero ser fêmea
E possuir com paixão,
Quero também ser menina,
Que em braços fortes
Se aloja.
Uma mulher que sonha
Que deseja,
Que dá de si mesma
Tudo quando pode,
Tudo quando deve,
Tudo quando sabe.
Uma mulher que beija,
E se deixa beijar.
Que ama
E se deixa amar.
Que possui
E se abandona
Quero ser tudo e ser nada,
Ser amada em madrugadas
E acordar aninhada
Em braços firmes,
Protectores e sonhadores.
Sei que sou contradição
Pois vivo de paixão
E por carinhos incontáveis
Quero me deixar.
São esses
Meus desejos de mulher.
Quem, poderá assim me amar?"

Um comentário:

Luis Nantes® disse...

Magnífico seu post, tá? Perfeita... Mensagem + imagem = Perfeição. Beijos