terça-feira, 9 de junho de 2009


Sinto em mim a tua boca
Meu amor
E grito
Quero a tua carne em mim
Inundo-me....
No meu orgasmo
E os teus lábios sugam a minha paixão
O fogo da tua língua
Inunda-me de prazer
E acalma-me o desejo
Tocas-me
De novo me excitas
Continua...Perde-te comigo
Lancemo-nos neste abismo de loucura
Vem...Toca-me
Possui-me
.
Escrito por flor-de-liz

Um comentário:

Niina disse...

http://niinalibertina.blogspot.com/

Hey voltei!


E adorei tbm o seu poema.
agua na boca!