sábado, 6 de junho de 2009

PURA TENTAÇÃO


Chega de mansinho
e encosta sua boca
no meu ouvido.
Geme baixinho, sua
mão desliza em meu
peito até abrir minha
calça lentamente.
Seu corpo se curva
diante de mim na
busca do meu falo
em riste a esperar
sua língua safada.
Te puxo pelos seus
cabelos e afundo
ele inteiro na sua
garganta faminta.
Meu gozo escorre
pelos cantos e cai
em seus seios e
ventre até as coxas.
Te viro de quatro e
te penetro sem dó
até sentir o roçar
do meu corpo na
sua bunda e minha
mão batendo nela.
Sua fenda engole
meu mastro e seu
Grelo exposto
salta no meio dos
meus dedos e seu
gozo mistura ao
meu na explosão
do nosso êxtase.
Me deito te deixo
cavalgar em meu
mastro subindo e
descendo, olhando
sua gruta devorar
e rebolar gostoso
na volúpia do ato.
Gozamos outra vez
deitamos exaustos
plenos e entregues.

Nenhum comentário: