quarta-feira, 19 de novembro de 2008


"Ao Espelho", Rosa Clemente

"Em frente ao espelho, nudez total,
cabelos molhados, despentados,
cheiro de flor, poema e sexo;
seios redondos já excitados,
o vento frio beijando pêlos,
afagando desejos: o meu, e o dele..."

teu...
minha mulher!

Nenhum comentário: